II Jornada de Educação para a Paz, Cultura e Agni Yoga

Notícias

O Instituto Roerich Brasil realizou a

II Jornada de Educação para a Paz, Cultura e Agni Yoga.

Evento online, de 16 a 18/11, das 19 às 21h.

Voltado para professores da rede pública e privada de ensino; arte-educadores; e todas as pessoas interessadas em ações para a Paz.

.

Para saber mais acesse o link: http://www.roerich.org.br

.

“Sem os caminhos da beleza não pode haver educação.” (Comunidade, p.104-parte)

.

Eixo 1: Cultivando Saúde, Cultura e Paz

 Terça (16/11)

 Das 19 às 20h

  • Educação para a Paz: um Processo de Ampliação da Consciência do Ser e do Futuro – A visão de Nicholas Roerich sobre Educação para a Paz através da Cultura; a importância dos jovens, os caminhos para a Beleza e a mensagem da Bandeira da Paz no processo da educação. 

Facilitadora: Josenilda Noronha – Formação em Letras Anglo-Germânicas pela UCSAL; pós-graduação em Linguística Aplicada à Língua Inglesa; Designer em Sustentabilidade pela Fundação Gaia Education em parceria com o Instituto Roerich da Paz e Cultura do Brasil, onde atua como diretora de Educação para a Paz; Coach de Vida e Profissional pela Sociedade Brasileira de Coach (SBC-SP).

Das 20 às 21h 

  • Redução do Stress e Ansiedade: Buscando Vitalidade e Paz– Devido às transformações atuais na vida das pessoas e dos educadores, ofereceremos ferramentas para a redução do stress e da ansiedade, através da técnica de mindfulness

Facilitadora: Dra. Andrea Ruf – PhD, psicóloga, psicoterapeuta junguiana; neurocientista em Redução de Estresse; membro da Associação Americana de Psicologia (APA); especialista em Programas de Mindfulness pela Medical School da Universidade de Massachusetts; Assessora de Relações Internacionais do Instituto Roerich da Paz e Cultura do Brasil.

.

Confira como foi:

.

.

Eixo 2: Trabalhar o Conflito e Buscar a Beleza na Arte

Quarta (17/11)

Das 19 às 20h

  • Saúde Moral na Educação – Trata de conflitos em ambientes educacionais, caracterizados por situações de bullying e cyberbullying, ou fatos geradores de danos decorrentes do convívio escolar. Por análise doutrinária e jurisprudencial, é possível diagnosticar situações conflituosas em ambientes educacionais. Ressalta-se a prevenção e o tratamento jurídico dispensado ao tema, com ênfase para a Cultura da Paz como meio para amenizar o problema. 

Facilitador: Dr. Flori Antonio Tasca – Educador, filósofo e jurista; graduado em Filosofia pela Universidade do Sul de Santa Catarina e doutor em Direito das Relações Sociais pela Universidade Federal do Paraná.

Das 20h às 21h

  • Arte e Espiritualidade: Experiências com o MÉTODO I.am.I de PINTURA ESPONTÂNEA®️ – O método busca inspirar as pessoas a descobrirem seus potenciais, o Self Autêntico, e a desenvolverem as inteligências múltiplas e inatas em cada ser humano. Pode ser aplicado em grupos de adultos e jovens, podendo também ser introduzido nas escolas. 

Facilitadoras:

Denise Noronha – Mestra em Desenvolvimento e Gestão Social (UFBA); Especialização em Educação Transdisciplinar e Desenvolvimento Humano (UFBA); graduada em Artes Plásticas (UFBA); facilitadora do MÉTODO I.am.I de PINTURA ESPONTÂNEA®️ (Unipaz/BSB); diretora de Artes do Instituto Roerich da Paz e Cultura do Brasil.  

Dra. Susan Bello – Ao longo de 40 anos ensinou, pesquisou e criou o seu MÉTODO I.am.I de PINTURA ESPONTÂNEA®️. Doutora, PhD em Terapia Expressiva e Psicologia da Arte do Union Institute (Cincinnati, Ohio, EUA); Mestre em Psicologia Humanista na Califórnia State College (Sonoma, EUA); bacharel em Educação e História, na Universidade de Nova York; psicanalista de grupo; arte-terapeuta licenciada nos Estados Unidos; facilitadora Titular de Biodanza e pesquisadora de Evolução da Consciência.

.

Eixo 2: Trabalhar o Conflito e Buscar a Beleza na Arte

Quarta (17/11)

Das 19 às 20h

  • Saúde Moral na Educação – Trata de conflitos em ambientes educacionais, caracterizados por situações de bullying e cyberbullying, ou fatos geradores de danos decorrentes do convívio escolar. Por análise doutrinária e jurisprudencial, é possível diagnosticar situações conflituosas em ambientes educacionais. Ressalta-se a prevenção e o tratamento jurídico dispensado ao tema, com ênfase para a Cultura da Paz como meio para amenizar o problema. 

Facilitador: Dr. Flori Antonio Tasca – Educador, filósofo e jurista; graduado em Filosofia pela Universidade do Sul de Santa Catarina e doutor em Direito das Relações Sociais pela Universidade Federal do Paraná.

Confira como foi:

.

.

Das 20h às 21h

  • Arte e Espiritualidade: Experiências com o MÉTODO I.am.I de PINTURA ESPONTÂNEA®️ – O método busca inspirar as pessoas a descobrirem seus potenciais, o Self Autêntico, e a desenvolverem as inteligências múltiplas e inatas em cada ser humano. Pode ser aplicado em grupos de adultos e jovens, podendo também ser introduzido nas escolas. 

Facilitadoras:

Denise Noronha – Mestra em Desenvolvimento e Gestão Social (UFBA); Especialização em Educação Transdisciplinar e Desenvolvimento Humano (UFBA); graduada em Artes Plásticas (UFBA); facilitadora do MÉTODO I.am.I de PINTURA ESPONTÂNEA®️ (Unipaz/BSB); diretora de Artes do Instituto Roerich da Paz e Cultura do Brasil.  

Dra. Susan Bello – Ao longo de 40 anos ensinou, pesquisou e criou o seu MÉTODO I.am.I de PINTURA ESPONTÂNEA®️. Doutora, PhD em Terapia Expressiva e Psicologia da Arte do Union Institute (Cincinnati, Ohio, EUA); Mestre em Psicologia Humanista na Califórnia State College (Sonoma, EUA); bacharel em Educação e História, na Universidade de Nova York; psicanalista de grupo; arte-terapeuta licenciada nos Estados Unidos; facilitadora Titular de Biodanza e pesquisadora de Evolução da Consciência.

.

Eixo 03: O Patrimônio Cultural na nossa Vida e Buscando a Ponte que nos Une

Quinta (18/11)

 Das 19h às 20

  • Educação e Saúde Cultural – A importância do patrimônio cultural em nossas vidas; a cultura como saúde para conexão com a Beleza, assunto recorrente nos sutras da Agni Yoga; e experiências em projetos de Saúde Cultural. 

Facilitadora: Dra. Heloísa Helena Costa – Doutorado em Sociologia – Université du Québec à Montréal (2000); Mestrado em Ciências Sociais pela Universidade Federal da Bahia (1984); graduação em História pela Universidade Federal Fluminense (1973); graduação em Museologia – Museu Histórico Nacional (1973); diretora de Cultura e Patrimônio do Instituto Roerich da Paz e Cultura do Brasil.

Das 20h às 21h

  • Exposição Semelhantes: Caminhando pela Ponte que nos Une –Apresentação do Projeto Semelhantes, que se constitui em uma exposição de fotografia, instrumento de educação para a construção das pontes que nos unem. Refletindo sobre nossas semelhanças, em meio às diferenças que nos tornam únicos, a mostra traz narrativas visuais de sete fotógrafos brasileiros que celebram a beleza de uma humanidade plural, ao tempo em que denunciam a resistência dos que lutam contra o preconceito e a discriminação racial. Ambientada virtualmente em dois museus de Salvador, a Exposição Semelhantes será apresentada em visita guiada virtual.

Facilitadora: Cássia Candra – Graduada em Jornalismo (Universidade Federal da Bahia); mestra em Cultura e Sociedade (Instituto de Humanidades, Artes e Ciências Professor Milton Santos/UFBA); Designer em Sustentabilidade (Fundação Gaia Education/Instituto Roerich Brasil); Assessora de Comunicação do Instituto Roerich da Paz e Cultura do Brasil; criadora do Projeto Semelhantes.

Confira como foi:

.

.

apoio

.

.

Para saber mais sobre o PROJETO BANDEIRA DA PAZ e para saber com foi a III MOSTRA clique na imagem acima

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.